Top Menu

Foto: Divulgação Prefeitura de Macaé

 

Desde a última sexta-feira (10), a exposição fotográfica “Lenços e Sorrisos – O câncer visto por nove mulheres”, está disponível na Praça Veríssimo de Mello, Centro, Macaé. Com imagens de mulheres com câncer, a fotógrafa Cláudia Barreto, deseja conscientizar a população sobre a necessidade do pré-diagnóstico e trabalhar a autoestima das mulheres que foram atingidas pela doença. O projeto faz parte da programação do “Outubro Rosa”, da prefeitura da cidade e segue durante todo o mês, de 10 às 17h.

Para a idealizadora da mostra muito mais do que ressaltar a doença, as fotos expoem mulheres que merecem respeito. “Fotografei nove mulheres sorrindo, umas ainda com a doença, outras em tratamento, mas todas sorrindo, felizes, e isso valeu a pena”, disse a fotográfa.
A ideia da exposição surgiu com a revitalziação da ONG Unamama, que ampara as mulheres com câncer de mama na cidade de Macaé. Para a vice-presidente da ong, Leda Moraes, colocar as fotos em praça pública possibilita a discussão do assunto envolvendo a população. “Devemos encarar a doença e não fugir da problemática. Isso é enfrentar a vida com alegria e compartilhar nossas histórias, assim contribuimos de alguma forma”, destacou.
Durante a exposição, agentes da Secretaria de Saúde vão orientar a população sobre a prevenção da doença, com a distribuição de folhetos explicativos.

O câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais frequente no mundo e o mais comum entre as mulheres, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca). A estimativa é que esse ano sejam registrados 57 mil novos casos da doença no país. Quanto mais cedo a doença for diagnosticada, maiores são as chances de cura, por isso, é importante que todos mantenham-se informados sobre seus fatores de risco e diagnóstico.

Sobre o Autor(a)

mm

Lione Acácia, geminiana, apenas para constar, porque não me ligo nisso. Adoro moda, batata frita e gente de todo o tipo. Nasci perguntadeira e me especializei nisso, fazendo jornalismo. Adoro uma conversa solta, me inspiro em minhas análises do cotidiano, e faço o meu mundo baseado nos mundos de todo mundo. Não sou fútil, mas desconfio não ser útil!

Deixe uma mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Fechar